Com o retorno às aulas presenciais, as três grandes universidades públicas de São Paulo, USP, Unesp e Unicamp, decidiram manter a obrigatoriedade do uso de máscara em todas as dependências dos campi. A decisão vai na contramão de um parecer recente do governador João Doria, que anunciou a liberação do item de proteção em espaços abertos de todo o estado.

Em nota ao jornal Folha de S. Paulo, a USP justificou a decisão afirmando que “apesar do clima de euforia com o retorno presencial e do momento em que todos os indicadores negativos da pandemia (novos casos, óbitos e internações) estão em queda, os cuidados para evitar a transmissão do coronavírus ainda precisam ser tomados.” A Unicamp também havia determinado o uso compulsório de máscara em todas as dependências e não reviu a regra depois da decisão do governo estadual.

+ Aulas presenciais: 5 dicas para se proteger da covid no transporte público

Já a Unesp afirmou, em nota, que o uso da máscara segue sendo “altamente recomendável”. “Em relação especialmente ao uso de máscara, depois que o governo estadual paulista desobrigou tal uso em lugares abertos no último dia 9, a universidade sustenta a posição que todas as pessoas devem seguir utilizando máscara nos campi e em todas as 34 unidades universitárias, independentemente de estarem em ambiente fechado ou aberto”, escreveu.

As três universidades exigem, além do item de proteção, a apresentação do comprovante de vacinação para qualquer um que frequente os campi – alunos, professores, funcionários e visitantes. Na USP, o comprovante foi item obrigatório para matrícula neste semestre. Em vídeo divulgado pela universidade, o reitor Carlos Gilberto Carlotti Junior afirmou esperar que toda a comunidade escolar esteja vacinada para o retorno seguro às aulas.

A USP, assim como a Unicamp, voltou a receber os alunos presencialmente nesta segunda-feira (14). Na Unesp, as aulas retornaram no último dia 7.

Prepare-se para o Enem sem sair de casa. Assine o Curso PASSEI! do GUIA DO ESTUDANTE e tenha acesso a todas as provas do Enem para fazer online e mais de 180 videoaulas com professores do Poliedro, recordista de aprovação nas universidades mais concorridas do país.

Continua após a publicidade

Além de usar o item de proteção, estudantes e professores devem apresentar comprovante de vacinação contra a covid-19

0 Comentários

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.